Como Minimizar o Impacto da Crise em seu Negócio

http://siqueiraeassociados.net.br/blog/?p=84

Business people

Desde o começo de 2015 uma palavra está sempre presente na mídia: crise.
Reflexo da má gestão dos recursos públicos ela infelizmente acabou refletindo em todos os setores da sociedade, principalmente nos negócios.

Crise é apenas um nome genérico para designar uma série de fatores que vem causando uma sensação de mal estar coletivo, e que está desestimulando a atividade empreendedora, causando dor de cabeça aos gestores de empresas que precisam ter punho firme para administrar seu negócio.

Com o aumento do dólar, do combustível e das tarifas de serviços é preciso adotar medidas para minimizar seus efeitos negativos.  Confira abaixo algumas dicas.

É HORA DE CORTAR DESPESAS E FICAR DE OLHO NOS INVESTIMENTOS

Em momentos de crise, cortar despesas é uma das medidas mais coerentes. Contudo, é preciso avaliar se o corte de determinada despesa vai trazer algum impacto indesejado para o negócio.

Imagine que você investe 10% de seu orçamento de marketing em anúncios nas redes sociais e esses anúncios são responsáveis por 30% do total de suas vendas. Seria coerente cortar essa despesa? Evidente que não.

Agora, imagine que sua empresa faz a assinatura de seis diferentes revistas sobre o seu mercado. A função das revistas é entreter um cliente que esteja na recepção aguardando para ser atendido. Talvez cancelar o número de assinaturas de revistas não vá trazer nenhum impacto negativo para o se negócio, e você ainda pode adotar a implantação de uma gestão de excelência no atendimento, onde o cliente não espera mais do que cinco minutos para ser recebido.

São apenas dois pequenos exemplos para mostrar que olhando com atenção para os detalhes de uma operação conseguimos encontrar soluções que podem otimizar os recursos disponíveis.

O importante é manter os investimentos em momentos de crise, afinal eles podem significar um grande diferencial em um mercado onde os clientes estão mais tímidos para consumir.

DESENVOLVA E ESTRUTURE UMA NOVA POLÍTICA FINANCEIRA

Empresas bem-sucedidas adotam processos para garantir um padrão de eficiência na execução de todas as tarefas internas e externas. Portanto, se a crise é uma realidade que não dá para fugir, o recomendado seriaestruturar uma nova política financeira e comunicar as diretrizes para todos os colaboradores da empresa.

Após o desenvolvimento de uma nova política financeira é importante acompanhar o processo de adaptação e corrigir eventuais desvios do que ficou estipulado.

No início pode soar desconfortável para alguns colaboradores, contudo, fique certo que eles vão preferir essa adaptação a ter que ver o negócio ruir.

Se isso significa que alguns executivos terão que viajar na classe econômica, adiar a troca de algum equipamento, ou usar softwares pagos por ferramentas de uso livre, etc.

A austeridade de hoje, será a segurança financeira de amanhã!

ALGUNS CAMINHOS A SEGUIR

Depois de uma avaliação sobre as despesas e investimentos e o desenvolvimento de uma nova política financeira, é importante adotar algumas medidas para garantir uma certa tranquilidade em períodos de crise:

  1. Se algumas tarefas da sua empresa estão consumindo tempo demais da sua equipe e gerando quedas na qualidade do serviço, uma sugestão seria terceirizar os serviços que se mostrarem mais econômicos para o seu negócio.
  2. De algumas despesas não podemos fugir, por exemplo a compra de material de escritório. Uma alternativa seria negociar com fornecedores e comprar esses suprimentos para períodos longos (seis meses ou um ano).
  3. Diversifique suas receitas. Existem novos produtos ou serviços que você pode criar sem trazer grandes custos para o seu negócio? Um novo nicho de mercado pode ser descoberto e trazer oportunidades que não haviam sido pensadas.
  4. Mantenha uma comunicação clara com todos os seus colaboradores e clientes. Informe sobre todas as mudanças, reestruturações e novas políticas. Se você for transparente dificilmente seus clientes o abandonarão frente a certas mudanças.

Seguindo algumas dessas dicas, você será capaz de manter seu negócio em pleno funcionamento independente da crise. Serão necessárias mudanças e adaptações, mas que se mostrarão vitais para a sobrevivência em momentos economicamente instáveis, até que um  novo ciclo de crescimento recomece, afinal, a vida é feita de ciclos. 

Sobre Siqueira

• Auditor Independente e Consultor Empresarial, tendo iniciado a carreira em São Paulo, há mais de 35 anos • Sócio da Siqueira & Associados – Auditores e Consultores • Delegado do IBRACON – Instituto dos Auditores Independentes do Brasil, para o Paraná • Acadêmico da Academia de Ciências Contábeis do Paraná • Membro do Conselho Fiscal de Entidades • “Advisor” para Membros do Conselho Fiscal • Certificação internacional para IFRS, pela IACAFM • Professor de Auditoria e Controladoria
Esta entrada foi publicada em Boas práticas, Economia, Economia sustentável, Finanças, Gestão e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.