À meia-noite multarei sua empresa

http://siqueiraeassociados.net.br/blog/?p=48

 

Pelo jeito o Leão da Receita Federal está sendo substituído por um novo personagem: o de um ‘Zumbi’ devorador de cérebros, corações e riquezas…

Como acontece normalmente em ano eleitoral nos habituamos a ver manifestações quanto a questão tributária praticada no Brasil. Dizer que ela é alta ou extremamente complexa e cheia de armadilhas a todos os contribuintes, até mesmo aos especialistas, não traz nenhuma novidade.

Em nossa opinião isso ocorre pelo fato de que a grande maioria não conhece, e nem quer conhecer, os efeitos que essa política tributária causa em nossas vidas. Tampouco se dão ao trabalho de solicitar que suas atividades, como pessoa física ou pessoa jurídica (onde as questões são de maior complexidade, sejam acompanhadas por profissionais competentes e com amplo conhecimento sobre questões tributárias, contábeis e de direito.

Muito interessante artigo da revista Época Negócios, A meia noite multarei sua empresa, que põe a nu o a maluquice imperante na área tributária no Brasil. E isto que a matéria apenas arranha a superfície do problema!

A necessidade de aumentar a arrecadação, sem que a mesma sirva para o conforto, segurança, saúde, educação e outras questões essenciais, vem aumentando a cada ano, sem que haja qualquer movimento em sentido contrário.

O País freou seu desenvolvimento quando grande parte do recurso gerado (riqueza) nas atividades das pessoas passou a lhe ser tomado à título de tributo. Hoje estamos próximos aos 40% do PIB (mesmo depois dele ter sido inflado com mecanismos “criativos”).

Vivemos um novo modelo de Estado; o direito tem sido considerado um mero artifício para manter-se a condição de “estado democrático de direito”. Sabemos que, já há algum tempo isso não é assim… E o Brasil não é o único país a adotar essa forma.

O texto pode parecer longo… mas, garanto que vale a pena.

Sobre Siqueira

• Auditor Independente e Consultor Empresarial, tendo iniciado a carreira em São Paulo, há mais de 35 anos • Sócio da Siqueira & Associados – Auditores e Consultores • Delegado do IBRACON – Instituto dos Auditores Independentes do Brasil, para o Paraná • Acadêmico da Academia de Ciências Contábeis do Paraná • Membro do Conselho Fiscal de Entidades • “Advisor” para Membros do Conselho Fiscal • Certificação internacional para IFRS, pela IACAFM • Professor de Auditoria e Controladoria
Esta entrada foi publicada em Boas práticas, Economia, Finanças, Gestão, Transparência, Tributos e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.